Tel: +55 (51) 3265-1717

Brasileiro de Optimist chega ao fim com resultados de alto nível para a flotillha Minuano

 47ª Campeonato Brasileiro de Optimist encerrou nesta terça-feira, dia 15, na Escola de Vela Lars Grael em Ilhabela. A Flotilha Minuano do Veleiros do Sul encerrou com uma inédita participação ao colocar três velejadores entre os Top 5. Gustavo Glimm conquistou na segunda-feira o título brasileiro por antecipação, Erick Carpes foi medalha de bronze, Martin Ibanez ficou em quinto lugar e o VDS ainda levou o título de melhor Flotilha do campeoanto. No pódio por categorias Milena Holler foi 3º infantil feminino e Henrique Becker 3º na classe Mirim.    SÚMULA FINAL

O técnico Geison Mendes da flotilha Minuano avaliou o desempenho da flotilha Minuano que foi para São Paulo com 20 timoneiros entre Veteranos e Estreantes.

“A nossa participação no Brasileiro foi boa em todos os sentidos. O time melhorou de maneira geral no campeonato paulista em dezembro e já mostrava uma constante evolução. Dos 12 integrantes do nível preto da flotilha Minuano, 8 ficaram na ouro e três entre os Top 5 e foi a melhor do Brasileiro. Leonardo Caminha e Maria Eduarda Claudino com chances de pegarem as vagas para o Sul-americano.

Os resultados são o reflexo do comprometimento de todos eles, a maneira como encararam cada dia de treino, a responsabilidade com a frequência no treinamento, tudo isso somou, e também o apoio dos pais e da Comodoria. Nossa flotilha está de parabéns”, disse o treinador Geison Mendes, que seguiu direto de Ilhabela para Punta del Este para se juntar ao time do Crioula no Circuito Rolex Atlântico Sul. A flotilha Minuano também teve o acompanhamento dos técnicos, Thiago Ribas e Pedro Correa (Estreantes).

O Brasileiro foi classificatório para o Sul-Americano, que será disputado em Algarrobo, no Chile, em abril. Além das regatas, os atletas puderam participar do projeto “Conhecendo Novas Velas”, organizado pela Confederação Brasileira de Vela (CBVela) com investimento do Grupo Energisa, patrocinador oficial da Vela Jovem. Houve uma clínica para os atletas experimentarem barcos das classes 420, Laser e 29er, precedida por apresentações feitas pelos próprios presidentes das associações dessas classes. Para completar, a palestra de Robert Scheidt e Bruno Prada lotou a garagem da Escola de Vela Lars Grael, com meninos e meninas atentos às palavras de dois dos grandes ídolos da modalidade.

O Campeonato Brasileiro de Optimist foi organizado em conjunto pela Associação Brasileira da Classe Optimist, Confederação Brasileira de Vela, Federação de Vela de São Paulo (Fevesp) e Prefeitura Municipal de Ilhabela. Na vela, a classe Optimist é a porta de entrada, já que se trata de uma embarcação de pequeno porte, para crianças de até 60kg. 

 

Resultados

Classificação final do Brasileiro de Optimist

1. Gustavo Glimm (Veleiros do Sul), 44 pontos perdidos

2. Bernardo Martins  (Iate Clube do Rio de Janeiro), 64 p.p.

3. Erick Carpes (Veleiros do Sul), 67 p.p.

4. Gabriela Vassel (Ilhabela), 79 p.p.

5. Martin Ibanez (Veleiros do Sul), 99 p.p