5 dicas para conservar seu cabo

Muito utilizados em atividades ligadas à navegação, os cabos desempenham papel fundamental no mar como instrumento de auxílio aos marinheiros. Por isso, é fundamental que sejam bem conservados a fim de garantir o seu melhor desempenho. Confira as dicas abaixo e saiba como preservar a durabilidade dos cabos. 

  • Evite contato com poeira, terra ou areia. Estas partículas penetram pela capa, provocando desgastes internos difíceis de serem visualizados. 
  • Na hora de carregar, utilize bolsas projetadas especialmente para cabos que podem ser içadas e abertas no chão. Outra alternativa (mais barata) é usar uma pequena lona de plástico para que não haja contato com o chão. 
  • Para limpar, opte por um sabão neutro e não esqueça de deixá-la secar na sombra em um ambiente ventilado. Jamais exponha seu cabo ao sol.
  • Cuidado com os produtos químicos! Ao transportar os equipamentos no carro, leve em consideração o local que ele será colocado para que não seja contaminado por ácidos da bateria do veículo ou hidrocarburetos derivados do petróleo. No caso de qualquer suspeita de contaminação, o cabo deve ser descartado. 
  • Não esqueça de avaliar o estado geral do seu cabo, observando desgastes, desfiados e apalpando-o por inteiro.

Vale lembrar que não existe um tempo definido de vida útil. Portanto, é preciso estar atento aos fatores que podem prejudicar a conservação. Mesmo sem danos aparentes, recomenda-se que o uso de um cabo ocorra por, no máximo, cinco anos, devendo ser aposentada após este período. 

Fonte: Manual de Nós e Amarras / Daniel Maldonado de A. Lima

 


Imprimir   Email