Regatas Históricas #3: Rolex Middle Sea Race

Com mais de 50 anos de história, a Rolex Middle Sea Race não deixaria de ser homenageada na nossa série de regatas memoráveis que marcaram a trajetória da vela. Organizada pelo Royal Malta Yacht Club, a competição, que começa e termina em Malta, é referência para todos os amantes do esporte náutico devido ao seu belo e histórico percurso.

Definida pelo americano Ted Turner como “o passeio mais bonito”, a regata, que teve sua primeira edição em 1968, percorre as mais incríveis ilhas ao redor da Itália, passando por vulcões e pontos turísticos mitológicos ao longo de seu trajeto. Por percorrer diferentes águas, é comum que os velejadores participantes enfrentem diferentes condições de vento e mar, o que torna o desafio intenso e emocionante.

A Rolex Middle Sea Race, mesmo que suspendida por alguns anos entre 1983 e 1996, teve sempre sua fama garantida pelo mundo, ganhando ainda mais visibilidade a partir de 2002 com o início do patrocínio da Rolex AS. Desde então, o evento passou a ter inscrições recordes e um crescimento significativo. Outro marco importante ocorreu no ano de 2015, quando a frota da competição passou a ser mais variada, incluindo diferentes tipos de barcos, das pequenas velas às grandes embarcações.

O recorde do percurso de 606 milhas náuticas, atualmente, é de George David, em 2007, a bordo do Rambler, com 47 horas, 55 minutos e 3 segundos, que ultrapassou Robert McNeil, que em 2000 fechou 64 horas, 49 minutos e 57 minutos de prova a bordo do maxi turbo sled Zephyrus IV.

A próxima edição da regata está marcada para 17 de outubro de 2020. 


Imprimir   Email